Descubra os segredos da KTM EXC 300 de Rigor Rico

Nós tivemos o prazer de conhecer de perto a KTM EXC 300 2T do piloto Rigor Rico e ele nos contou sobre os detalhes e ajustes que utilizou para melhorar a performance da sua máquina.

Confira abaixo oque Rigor disse sobre a moto:

Estou apaixonado pela motocicleta e o DNA Racing da KTM está fazendo toda a diferença, principalmente para um piloto que busca a máxima performance. Gostei demais da moto, ela tem muita baixa, mas também é bem arisca quando preciso de uma resposta mais agressiva. Sem dúvidas é uma moto pronta para enfrentar os melhores do mundo!

Eu não diminuí a taxa de compressão da moto, porque ao destaxar o motor perde força. Também estou utilizando o carburador original, feito pela Mikuni e consegui um ótimo acerto.

Para aumentar a baixa da moto eu instalei um Fly whell da BMS, para quem não sabe, se trata de um peso que acoplamos ao magneto da moto para aumentar o torque em giro baixo.

Optei por utilizar a suspensão original, que já vem de fábrica com materiais de qualidade, mas instalei um kit de Suspensão da Dyva, que transforma a suspensão original em uma cone valve. Com o kit Dyva a suspensão ficou perfeita, porque consegui um preset mais duro que o original para trechos mais rápidos, sem sacrificar o trabalho mais suave em partes mais lentas, que são bem comuns no hard enduro.

         

O Sag traseiro da motocicleta deixei com 12mm para a moto tracionar melhor e ficar mais próxima do chão. Isso faz toda a diferença no hard enduro.

Instalei um kit de embreagem especial da Rekluse, mas não é aquela embreagem semi-automática que costumamos ver por ai, se trata de uma embreagem manual, tal como a original, mas que oferece mais resistência e performance.

Escolhi as manoplas macias da marca Edgers, para evitar calos e ter um contato perfeito na pilotagem. No lado da embreagem, eu faço um corte para o manete não pegar na borracha.

Eu gosto de utilizar a regulagem do guidão na posição zero(meio) e fixado bem no meio da mesa, já os manetes eu deixo levemente para baixo com o manicoto mais para dentro da moto. Também retirei o limitador da direção com o intuito de aumentar o curso de direção.

Ter uma capa de banco com um bom grip é fundamental, por isso eu estou utilizando a capa de banco da Zombie, que me ajuda a ficar firme no assento, principalmente em subidas.

Para evitar que a coroa fique raspando em pedras, eu optei por usar um conjunto de relação 12/48, que mantem a mesma performance da 13/52. Também optei por um modelo de ferro, porque o alumínio não tem resistência para agüentar as pancadas da modalidade.

Confira abaixo todos os acessórios que Rigor instalou em sua motocicleta:

  • Kit de suspensão Dyva Cone Valve diant e tras
  • Pneu Rinaldi Dianteiro SW 43 90/100-21 (macio e mais largo)
  • Pneu Traseiro Rinaldi Stone Way SW43 140/80-18 macio
  • Mesa X-Trig
  • Camara de ar Rinaldi 4mm Rd34
  • Duas travas no pneu traseiro
  • Relacao Edgers 12/48
  • Manopla Edgers A1
  • Ponteira Akrapovich
  • Capa de Banco Zombie
  • Kit Adesivo Motoarts
  • Ventoinha automatica BMS c/ chave p/ desligar
  • Saca roia diant e tras
  • Lubrificantes Mobil
  • Embreagem Rekluse
  • Suporte de Pinça BMS
  • Protetor de disco traseiro BMS
  • Pedaleiras BMS Drop
  • Ponta do pedal de freio da BMS com cabo de segurança
  • Protetor da curva de carbono da marca Kicarbono
  • Spring Control Bms
  • Valvula de respiro do tanque BMS 360°
  • Chave de mapa da KTM Powerparts
  • Protetor de saída do escapamento da BMS
  • Discos,pastilhas e flexivel da Galfer
  • Plasticos R-tech
  • Expansor do resevatorio Oleo Bms
  • Esticador de corrente Bms anodizado
  • PHDS Bms
  • Fly Whell Bms (peso magneto)

O piloto nos convidou para pilotar a sua moto e fazer um vídeo sobre essa super máquina, fique ligado no Thexrider que em breve teremos novidades.

Conteúdo Relacionado

Deixe um comentário

  Subscribe  
Notify of